Justiça determina retirada de imagens de promoção pessoal do filho do prefeito de Juazeiro do Norte do site da Prefeitura


17.11.17.Corrupção.ZeroO juiz Francisco Mazza acatou, na manhã desta sexta-feira (9), o pedido de tutela de urgência formulado pelo Ministério Público contra o Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, e seu filho, Pedro Augusto Geromel, determinou que o gestor local retire, no prazo de 72 horas, todas as imagens do filho divulgadas no site institucional, sob pena de multa diária de R$ 5.000,00, a qual pode chegar ao limite de R$ 200.000,00. A partir da ordem judicial, o prefeito e o filho dele terão o prazo de 15 dias para apresentarem a defesa preliminar na ação de improbidade administrativa proposta contra eles.

Na decisão, ainda consta a expressa determinação de que o prefeito Arnon Bezerra abstenha-se de promover a imagem de Pedro Augusto Geromel no site e em eventos institucionais do Município de Juazeiro do Norte, o que vinha ocorrendo de maneira recorrente. Segundo um dos autores da ação, o promotor de Justiça Igor Pinheiro, “essa é a maior demonstração da falácia dos comentários de perseguição por parte do Ministério Público. Nós aturemos sempre que seja preciso, não importa quem seja o réu, do mais humilde servidor ao prefeito”, assevera.

Os representantes do Ministério Público ressaltam que continuam à disposição pa05.02.18.QRCODEra apurar todos os atos de corrupção que a população queira denunciar, pessoalmente ou pelo “Aplicativo Corrupção Zero”. A iniciativa é fruto do “Projeto Corrupção Zero”, cuja finalidade é atuar na prevenção de atos de corrupção na gestão pública municipal, bem como receber denúncias via aplicativo. Basta acessar o QR CODE e fazer a denúncia, pois o sigilo é garantido. Para acessar o aplicativo, basta clicar no link https://applink.com.br/corrupcao_zero

Assessoria de Imprensa

Ministério Público do Estado do Ceará

Email:imprensa@mpce.mp.br