Ministério Público promove acessibilidade arquitetônica e linguística na instituição


cadeirante2Como forma de facilitar o acesso de pessoas com deficiência aos serviços oferecidos pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), o Centro de Apoio Operacional da Cidadania (CAOCidadania) promoverá, na próxima sexta-feira (30), às 14h, a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) no qual o Procurador-Geral de Justiça, Plácido Barroso Rios, firmará o compromisso de promover a acessibilidade arquitetônica em todos os prédios do MPCE, na Capital e no interior do Estado, sejam cedidos, próprios ou alugados.

Além disso, será firmado um Termo de Cooperação Técnica com a Central de Intérprete de Libras (CIL), do Governo do Estado do Ceará, a fim de promover a capacitação dos servidores do MP Estadual em Libras e a transferência de conhecimentos para a criação da Central de Acessibilidade em Libras do Ministério Público (CALIMP). Desta forma, segundo o coordenador do CAOCidadania, Hugo Frota, espera-se atender com maior eficiência e celeridade os cidadãos que possuem deficiências.

Foram convidados a participar promotores e procuradores de Justiça, a Coordenadoria Especial de Políticas Públicas para os Idosos e as Pessoas com Deficiência, os Conselhos Estadual e Municipal (Fortaleza) dos Direitos da Pessoa com Deficiência, as Comissões de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa e Câmara de Vereadores de Fortaleza e a Associação dos Surdos Organizados do Ceará (ASOF).

Assessoria de Imprensa

Ministério Público do Estado do Ceará

Email:imprensa@mpce.mp.br